InícioInício  RecliforumRecliforum  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  LoginLogin  

Compartilhe | 
 

 The Switchblade

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
ninocoutinho



Mensagens : 1199
Data de inscrição : 20/09/2010
Localização : Itabira - MG

MensagemAssunto: The Switchblade   Qua Set 04, 2013 7:00 am

Acho que era isso aí que o Marcus queria:

http://cyclingfuture.com/






Ainda tem essa REMADA, aí!! cyclops cyclops
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mordaz



Mensagens : 2199
Data de inscrição : 22/05/2009
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Qua Set 04, 2013 11:43 am

Para mim isso é uma solução para um problema que não existe.

No meu entender, o caminho para uma reclinada boa de escalada (sem sacrificar a vantagem aerodinâmica) é simplificá-la ao máximo e construí-la com materiais que proporcionem o máximo de rigidez e o mínimo de flexão e torção. Ou seja, uma high-racer monotubo feita em carbono ou mesmo em alumínio, com tubo do maior diâmetro possível (normalmente 60 mm de diâmetro).

Geometrias variáveis agregam peso e reduzem a rigidez. É perfeitamente viável construir uma high-racer de alumínio com peças razoavelmente boas e peso final de 10 kg ou até menos. Quanto deve pesar essa Switchblade? Certamente bem mais que isso. E o pior: com muito menos rigidez.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fotolog.terra.com.br/bentrider
ninocoutinho



Mensagens : 1199
Data de inscrição : 20/09/2010
Localização : Itabira - MG

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Qua Set 04, 2013 12:31 pm

Poxa, Roberto, o cara é um criador, deixa o cara geek !

A bike parece estar pesando 17kg.

Eu acho que tem um problema, sim, que resolve, que é o lance da adaptabilidade a meios urbanos. Se eu me lembro ele comenta isso no vídeo e também no texto. Quanto mais experiente fico na Meta, mais "despachado" eu tenho andado no trânsito, e mais tenho feito cagadas, e praticamente todas tem a ver com o fato de estar deitado e estar 'high' ao mesmo tempo. Se estivesse low, os problemas seriam parecidos, com o acréscimo das questões inerentes a estar mais baixo. Mas, se estivesse mais sentado, minhas respostas seriam mais rápidas ou mesmo nem ocorreria.

Só ontem cometi umas três asneiras que me deram até vergonha; foi um misto de excesso de confiança e um pouco de falta de técnica. Difícil descrever (ou enjoadinho de dar detalhes), mas basicamente a) me enfiei onde não devia/cabia e tive que frear com tudo sem dar tempo de reduzir, aí a retomada ficou difícil e quase caí pra cima dum carro, nisso praticamente parei o trânsito por alguns segundos, b) fui fazer o retorno numa calçada e exigia uma curva acentuada + freada brusca pra não ir direto pro outro lado da rua. fiz as duas mal medidas, freei pouco e tarde, e qndo fui parar já estava quase na rua e o pé custou a chegar ao chão, quase tombo na frente dum caminhão. c) entrei num cruzamento, pra seguir reto, pela direita dum veículo maior, minha ideia era atravessar protegido por ele (não podia ultrapassá-lo se não não enxergaria nada), só que era uma subida e ele foi cada vez mais lento, lento, e eu fui reduzindo até me ver tendo que parar duma vez pra não seguir e correr o risco de ser atingido por algo que eu não via; parei no meio da rua e não consegui retomar, desci e empurrei o restinho, nisso o próprio veículo seguiu e me vi desprotegido dele e no meio do cruzamento dum jeito indevido, sorte que não vinha ninguém a jato, de onde não enxergava.

Falei que era enjoado de descrever, e descrevi. Razz 

Contando essas coisas parece que sou totalmente newbie ou que minha bike tem algum problema de dirigibilidade, ou está inadaptada pra mim, o que não é verdade. Não saio por aí me desequilibrando o tempo todo, não sabendo parar e não sabendo retomar.

Alguém pode dizer "ah, mas se uma racer é menos adequada no trânsito que uma mais upright, que se tenha duas bikes". Mas é aquela coisa, uma racer não é racer o tempo todo, a gente não sai de casa já num acostamento de rodovia. Eu acho legal ter esse possibilidade. E, mesmo que fosse pra commute: digamos que o camarada more a 20km do trampo, com uns 15 de rodovia e mais uns 5k de "cidade". É legal a bike ser racer nas vias rápidas e ser mais segura e versátil no meio mais urbanoide.

Mas sim, ele usa como "mote" o fato da bike mais em pé ser melhor pra subir. Tlvz ele mesmo devesse fazer o teste, percorrendo as mesmas subidas com as duas configurações, e sem remar, e ver se a diferença é significativa. E, também, subir numa racer rígida. Mas é muita variável envolvida.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mordaz



Mensagens : 2199
Data de inscrição : 22/05/2009
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Qua Set 04, 2013 3:16 pm

ninocoutinho escreveu:
Poxa, Roberto, o cara é um criador, deixa o cara geek !

A bike parece estar pesando 17kg.
Ou seja, uma bigorna sobre rodas. Depois não sabem porque reclinadas não têm grande aceitação... Very Happy 

Não me entenda mal. Do ponto de vista da engenharia, é tudo muito interessante, mas se a propulsão é humana, quanto "menos veículo", melhor. Por isso o design "quadro diamante" das bicicletas convencionais perdura até hoje.

Também acho estranho promover uma reclinada apontando supostos defeitos das reclinadas em geral. Assim o potencial comprador acaba desistindo de adquirir uma reclinada!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fotolog.terra.com.br/bentrider
Mordaz



Mensagens : 2199
Data de inscrição : 22/05/2009
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Qua Set 04, 2013 4:25 pm

ninocoutinho escreveu:
Eu acho que tem um problema, sim, que resolve, que é o lance da adaptabilidade a meios urbanos. Se eu me lembro ele comenta isso no vídeo e também no texto. Quanto mais experiente fico na Meta, mais "despachado" eu tenho andado no trânsito, e mais tenho feito cagadas, e praticamente todas tem a ver com o fato de estar deitado e estar 'high' ao mesmo tempo. Se estivesse low, os problemas seriam parecidos, com o acréscimo das questões inerentes a estar mais baixo. Mas, se estivesse mais sentado, minhas respostas seriam mais rápidas ou mesmo nem ocorreria.

Só ontem cometi umas três asneiras que me deram até vergonha; foi um misto de excesso de confiança e um pouco de falta de técnica. Difícil descrever (ou enjoadinho de dar detalhes), mas basicamente a) me enfiei onde não devia/cabia e tive que frear com tudo sem dar tempo de reduzir, aí a retomada ficou difícil e quase caí pra cima dum carro, nisso praticamente parei o trânsito por alguns segundos, b) fui fazer o retorno numa calçada e exigia uma curva acentuada + freada brusca pra não ir direto pro outro lado da rua. fiz as duas mal medidas, freei pouco e tarde, e qndo fui parar já estava quase na rua e o pé custou a chegar ao chão, quase tombo na frente dum caminhão. c) entrei num cruzamento, pra seguir reto, pela direita dum veículo maior, minha ideia era atravessar protegido por ele (não podia ultrapassá-lo se não não enxergaria nada), só que era uma subida e ele foi cada vez mais lento, lento, e eu fui reduzindo até me ver tendo que parar duma vez pra não seguir e correr o risco de ser atingido por algo que eu não via; parei no meio da rua e não consegui retomar, desci e empurrei o restinho, nisso o próprio veículo seguiu e me vi desprotegido dele e no meio do cruzamento dum jeito indevido, sorte que não vinha ninguém a jato, de onde não enxergava.

Falei que era enjoado de descrever, e descrevi. Razz 

Contando essas coisas parece que sou totalmente newbie ou que minha bike tem algum problema de dirigibilidade, ou está inadaptada pra mim, o que não é verdade. Não saio por aí me desequilibrando o tempo todo, não sabendo parar e não sabendo retomar.

Alguém pode dizer "ah, mas se uma racer é menos adequada no trânsito que uma mais upright, que se tenha duas bikes". Mas é aquela coisa, uma racer não é racer o tempo todo, a gente não sai de casa já num acostamento de rodovia. Eu acho legal ter esse possibilidade. E, mesmo que fosse pra commute: digamos que o camarada more a 20km do trampo, com uns 15 de rodovia e mais uns 5k de "cidade". É legal a bike ser racer nas vias rápidas e ser mais segura e versátil no meio mais urbanoide.

Mas sim, ele usa como "mote" o fato da bike mais em pé ser melhor pra subir. Tlvz ele mesmo devesse fazer o teste, percorrendo as mesmas subidas com as duas configurações, e sem remar, e ver se a diferença é significativa. E, também, subir numa racer rígida. Mas é muita variável envolvida.
Nunca tive grande experiência com bicicletas convencionais, por isso não sou o mais indicado a fazer comparações com reclinadas em uso urbano, mas acho que dá para usar uma racer (pelo menos uma high-racer; low-racer é mais complicado) no trânsito, desde que se evitem manobras audaciosas.  

Talvez nenhuma reclinada se equipare a uma bicicleta convencional em termos de agilidade no trânsito urbano, mas, por outro lado, isso obriga o reclineiro a se comportar de maneira mais previsível, assemelhando-se mais a um veículo motorizado (na maneira de se conduzir) do que a uma bicicleta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fotolog.terra.com.br/bentrider
Marcus Del Mastro



Mensagens : 899
Data de inscrição : 25/03/2011
Idade : 42
Localização : Sorocaba - SP

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Sex Set 06, 2013 1:08 pm

Também acho que o problema que ele tenta solucionar não é um reclinada boa de subida e planos.

Talvez o desejo seja solucionar (não que solucione) e esse desejo eu acho válido:
- posição 1: ter uma bike aerojet para locais onde há boa visibilidade e confiança nas boas condições de pavimento;
- posição 2: ter uma boa visibilidade e uma posição que sofra menos com as trepidações em locais com pouca visibilidade ou pavimentos em condições imprevistas.

Nas minhas poucas andanças por vezes eu gostaria de estar menos reclinado, principalmente quando chego no meio urbano, onde normalmente não estou nem veloz para aproveitar qq benefício aerodinâmico.

É claro que uma boa solução para isso não pode pesar 7kg! E validade vai de quanto isso incomoda cada um.
Para mim, um sistema que mudasse a minha posição e que pesasse + 700g valeria a pena.
Se isso é possível, são outros 90!

Acho que o pensamento é parecido com a discussão de se ter ou não ter suspensão em reclinadas.
Se isso for me adicionar 2kg, não quero. Mas outros podem querer.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.pocketcar.org
Mordaz



Mensagens : 2199
Data de inscrição : 22/05/2009
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Sab Set 07, 2013 8:50 am

Marcus Del Mastro escreveu:
Acho que o pensamento é parecido com a discussão de se ter ou não ter suspensão em reclinadas.
Se isso for me adicionar 2kg, não quero. Mas outros podem querer.
Eu coloquei uma suspensão Shockster na minha Zöhrer EXD e o peso agregado foi por aí, 1,5 kg. Gostei, mas não é uma "racer".

Bom mesmo é ter uma reclinada para cada situação. E, no caso de uma commuter, que seja de manutenção bem barata.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fotolog.terra.com.br/bentrider
duram



Mensagens : 629
Data de inscrição : 30/01/2010
Idade : 53
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Ter Set 10, 2013 2:31 pm

Mordaz escreveu:
Marcus Del Mastro escreveu:
Acho que o pensamento é parecido com a discussão de se ter ou não ter suspensão em reclinadas.
Se isso for me adicionar 2kg, não quero. Mas outros podem querer.
Eu coloquei uma suspensão Shockster na minha Zöhrer EXD e o peso agregado foi por aí, 1,5 kg.  Gostei, mas não é uma "racer".

Bom mesmo é ter uma reclinada para cada situação.  E, no caso de uma commuter, que seja de manutenção bem barata.
Por falar nisso, no meu novo projeto só a estrutura da suspensão traseira pesa 2kgs, fabricada/importada pela Caloi em aço e usada em várias MTB deles, comprei no ferro velho.
é dificil ter a relação conforto/peso em valores altos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.fotolog.com.br/duram
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: The Switchblade   Hoje à(s) 4:07 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
The Switchblade
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Ciclismo reclinado geral-
Ir para: